Em noite péssima para os brasileiros, Massaranduba e Sertanejo salvam a noite no UFC: Holloway vs. Oliveira

Do Bronx sentiu lesão no pescoço e luta contra Holloway foi interrompida (Foto: UFC)

Com a presença de seis atletas brasileiros no card do UFC: Holloway vs. Oliveira na cidade canadense de Saskatoon, a noite de domingo, 23, não foi das melhores para a torcida verde-amarela. Apenas 2 brasileiros tiveram seus braços erguidos em triunfo no octógono mais famoso do planeta.

Anotando a sua quarta vitória consecutiva na organização, o ex-TUF Brasil 1 Francisco “Massaranduba” Trinaldo (18v-4d) mostrou a força dos seus punhos ao nocautear o atleta local Chad Laprise no primeiro round do duelo. Um potente cruzado de esquerda que levou, o então invicto com 10 vitórias, canadense à lona foi o “início do fim” do combate.

Igual triunfo obteve o paulista Felipe “Sertanejo” Arantes (17v-6d-1e-2NC). Descendo para a divisão dos Pesos Galos, Sertanejo finalizou o experiente Yves Jabouin (20v-11d) com um armlock que obrigou seu oponente a bater.

Na luta principal da noite, os Pesos Penas Max Holloway e Charles “Do Bronx” Oliveira se enfrentaram em uma luta aguardada há muito tempo pelas fãs do MMA, mas que teve um desfecho atípico. Antes do cronômetro chegar no minuto de número 2 do assalto inicial, o brasileiro “Do Bronx” sentiu uma lesão em seu pescoço, sinalizando a desistência, interrompendo a sequência de 4 vitórias no UFC.

Usando suas redes sociais, Charles “Do Bronx” se desculpou com seus fãs:

Venho aqui pedir desculpas a todos que torceram e me ajudaram no meu treinamento para essa luta, mas infelizmente, a minha lesão no pescoço não deixou eu mostrar para o mundo aonde posso chegar. Vou voltar dez vezes mais forte, podem ter certeza. Me desculpem.

Confira os resultados completos do UFC: Holloway vs. Oliveira:

  • Estados Unidos Max Holloway venceu Brasil Charles Oliveira – TKO – 1’39” R1
  • Estados Unidos Neil Magny venceu Brasil Erick Silva – Decisão Dividida (28-29, 29-28 e 30-27)
  • Canadá Patrick Côté venceu Estados Unidos Josh Burkman – 1’26” R3
  • Brasil Francisco “Massaranduba” Trinaldo venceu Canadá Chad Laprise – TKO – 2’43” R1
  • Canadá Olivier Aubin-Mercier venceu Estados Unidos Tony Sims – Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
  • Canadá Valérie Létourneau venceu Ucrânia Maryna Moroz – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 30-27)
  • Estados Unidos Frankie Perez venceu Canadá Sam Stout – TKO – 4’07” R1
  • Brasil Felipe “Sertanejo” Arantes venceu Haiti Yves Jabouin – Finalização (Armlock) – 4’21” R1
  • Ucrânia Nikita Krylov venceu Brasil Marcos Lima – Finalização (Mata Leão) – 2’29” R1
  • Canadá Chris Kelades venceu Estados Unidos Chris Beal – Decisão Dividida (27-30, 29-28 e 29-28)
  • Canadá Shane Cambell venceu Brasil Elias Silvério – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)
  • Letónia Misha Cirkunov venceu Estados Unidos Daniel Jolly – KO – 4’45” R1
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: