Anderson Silva, o homem, o mito e o doping. Ex-campeão caiu novamente no antidoping

Ninguém desconhece as qualidades insuperáveis e os inúmeros recordes que o ex-campeão da divisão dos Médios do UFC, o brasileiro Anderson Silva possui.

Entretanto, todas as suas conquistas parecem estar envoltam pela enorme mancha que passa a tomar conta da sua biografia. Não bastasse ter apresentado resultado positivo para androsterona e drostanolona em testagem antidoping realizada em 09 de janeiro, um novo e triste capítulo está sendo escrito no dia de hoje, 12.

Apesar de não ter sido divulgado de forma oficial pela Comissão Atlética do Estado de Nevada, órgão que regula as lutas naquele estado norte-americano, o brasileiro teria apresentado novamente resultado positivo no exame realizado após o UFC 183, evento que marcou o seu retorno ao octógono após a lesão que o tirou das lutas por longos treze meses.

Esse novo resultado positivo pode significar o término de uma carreira incomparável no MMA. Já circulam boatos de que o Spider prepara um pronunciamento oficial sobre os dois episódios e que pode atender os apelos dos filhos e declarar encerada a sua carreira no mixed martial arts.

Como profissional de MMA, Anderson Silva realizou 41 combates, tendo alcançado 34 vitórias e apenas 6 reveses. Anderson, por conta do primeiro resultado positivo, foi afastado das gravações do TUF Brasil 4 por solicitação da NSAC, onde deveria atuar como um dos técnicos do reality show.

A NSAC se reune na próxima terça-feira, 17, para julgar o caso do brasileiro e do seu adversário no UFC 183, Nick Diaz, que também foi reprovado no antidoping. O brasileiro deve receber uma suspensão por parte da Comissão Atlética, afastando-o por um longo tempo dos octógonos, além de perder parte de sua bolsa do UFC 183, bem como a alteração do resultado de sua vitória sobre Nick Diaz para No Contest.

 

 

Anúncios

One Response to Anderson Silva, o homem, o mito e o doping. Ex-campeão caiu novamente no antidoping

  1. Just as handful of folks knew the energy of the web in the early ’90s, the same holds true along with Bitcoin.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: