Promotores do The Hill Fighters esclarecem situação envolvendo a não transmisão do evento pelo Canal Combate

No último sábado, 12, a cidade de Gramado recebeu a segunda edição do evento The Hill Fighters que teria a sua transmissão avo vivo pelo Canal Combate, fato que acabou não ocorrendo devido a problemas por parte de alguns atletas que não apresentaram os necessários exames médicos, conforme exigência da CABMMA.

Nesta quarta-feira, 16, os promotores Andreé Glüher e Igor Lopes divulgação uma Nota Oficial esclarecendo os problemas ocorridos e isentando a CABMMA e o Canal Combate pelo transtorno ocorrido.

Confira o teor integral da Nota de Esclarecimento:

NOTA OFICIAL SOBRE O CANCELAMENTO DA TRANSMISSÃO AO VIVO

Estão circulando nas redes sociais várias especulações sobre os motivos e responsáveis pelo cancelamento da transmissão ao vivo da 2ª edição do THE HILL FIGHTERS realizada dia 12, sábado último.

Diante disto nós, promotores do THE HILL FIGHTERS, a fim de eliminar falsas versões e evitar que a culpa seja atribuída a quem não a tem, entendemos ser imperioso trazer a verdade a público.

Antes porém precisamos colocar alguns pontos essenciais para que todos entendam nossa posição enquanto promotores:

1) Todos nós admiramos a grandeza do espetáculo do UFC. É sonho de todo lutador de MMA chegar lá. É sonho de todo proprietário de equipe colocar um lutador seu lá. É sonho de todo promotor colocar um lutador de seu evento lá. O UFC só é grande por que é profissional. Profissionalismo é indissociável de responsabilidade. Responsabilidade remete inevitavelmente a controle e segurança;

2) Está ocorrendo hoje no Brasil um esforço muito grande para proteger e engrandecer o trade do MMA. Este esforço demanda necessariamente tornar sua prática mais responsável, controlada e segura;

3) A entidade encarregada de coordenar este esforço é a CABMMA (Confederação Atlética Brasileira de MMA). Para realizar seu trabalho a CABMMA está tratando de afiliar eventos e atletas que, para tanto, devem cumprir alguns pré-requisitos que tornam a prática do MMA mais responsável e segura. Um destes pré-requisitos é a apresentação prévia de uma bateria de exames médicos de todos os atletas que irão lutar em determinado evento, sem os quais a CABMMA não homologa o evento;

4) O CANAL COMBATE só transmite eventos homologados pela CABMMA;

5) Nós do THE HILL FIGHTERS concordamos sem nenhuma restrição com este procedimento. Mais que isto, somos defensores ferrenhos deste trabalho que levará, sem dúvida, à elevação do nível de nossos lutadores e eventos.

Colocados estes pontos podemos, enfim, esclarecer porque a transmissão do evento foi cancelada e atribuir responsabilidades pelo fato.

PORQUE
Vários atletas não apresentaram exames completos apesar de a CABMMA ter prorrogado o prazo várias vezes. Sem os exames a CABMMA não teve como homologar o evento. Sem homologação o CANAL COMBATE não pode efetuar transmissão.

RESPONSABILIDADE
Os promotores do THE HILL FIGHTERS assumem integral responsabilidade pelo cancelamento, isentando tanto a CABMMA como o CANAL COMBATE de qualquer parcela de culpa. Eles apenas cumpriram o que estava combinado.

Quem descumpriu fomos nós do THF que não tivemos capacidade suficiente para convencer os atletas que não apresentaram seus exames de que tal atitude causaria, como de fato causou, grandes prejuízos não só a nós promotores, mas também aos patrocinadores e, principalmente, aos demais atletas que, mesmo tendo entregue os exames, perderam a oportunidade de dar show ao vivo para todo o Brasil.

FUTURO
Desta vez, apesar do grande prejuízo, o THE HILL FIGHTERS manteve o evento e as lutas de todos os atletas, mesmo aqueles que não apresentaram seus exames completos. Mas esta foi a última vez que isto aconteceu.
No próximo evento atleta que não apresentar TODOS os exames no prazo será excluído do card e do evento.

Gramado, 16 de julho de 2014
ANDRÉ GLÜHER E IGOR LOPES, Promotores”

Anúncios

One Response to Promotores do The Hill Fighters esclarecem situação envolvendo a não transmisão do evento pelo Canal Combate

  1. Tatiane disse:

    estão de parabéns tirando o fato que se estão focado conforme o UFC faz,seria simples ao MEU ponto de vista, o THF fez sua parte, a CABMMA fez a parte dela se a equipe e principalmente o “ATLETA” não fez sua parte retira do evento!! tenho certeza que conseguiriam atletas profissionais mesmo, querendo participar desse evento, mas serviu de lição né?!vlw THF até uma próxima, parabéns

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: