Lyoto e Jacaré comandam vitórias brasileiras em Jaraguá do Sul

Lyoto superou Mousasi após 5 rounds (Foto: Jason Silva/USA TODAY Sports)

A cidade catarinense de Jaraguá do Sul recebeu na noite de ontem, 15, mais uma edição do UFC em território verde-amarelo. Com a presença de atletas brasileiros em todas as lutas do UFC: Machida vs. Mousasi, apenas 3 duelos não contaram com os brazucas tendo seus braços erguidos em triunfo.

Na luta principal da noite, o baiano Lyoto Machida acabou derrotando Gegard Mousasi na decisão unânime dos juízes laterais após os cinco assaltos previstos. Com essa nova vitória na divisão dos Médios, Machida passa a ser o novo desafiante ao título da divisão, devendo encarar o vencedor do confronto entre Chris Weidman e Vitor Belfort.

Na co-luta principal do evento, o manauara Ronaldo “Jacaré” Souza dominou por três rounds o francês Francis Carmont, fazendo com que as papeletas dos juízes laterais apontassem o nome do brasileiro como o vencedor da noite.

Em uma edição do UFC onde os juízes laterais tiveram muito trabalho, apenas 2 confrontos foram encerrados antes dos 3 rounds regulamentares. No card principal, Erick Silva nocauteou o japonês Takenori Sato com menos de um minutos de duelo, enquanto Charles Oliveira finalizou o inglês Andy Ogle faltando apenas 20 segundos para o término do embate.

Confira os resultados completos do UFC: Machida vs. Mousasi:

– Brasil Lyoto Machida venceu Países Baixos Gegard Mousasi – Decisão Unânime (49-46, 50-45 e 50-45)

– Brasil Ronaldo “Jacaré” Souza venceu França Francis Carmont – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 30-27)

– Brasil Erick Silva venceu Japão Takenori Sato – Nocaute (Socos) – 0’52” R1

– Suécia Nicholas Musoke venceu Brasil Viscardi Andrade – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

– Brasil Charles Oliveira venceu Inglaterra Andy Ogle – Finalização (Triângulo) – 2’40” R3

– Estados Unidos Joe Proctor venceu Brasil Cristiano Marcello – Decisão Unânime (29-28, 30-27 e 29-28)

– Brasil Rodrigo Damm venceu Brasil Ivan “Batman” Jorge – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

– Brasil Francisco “Massaranduba” Trinaldo venceu Canadá Jesse Ronson – Decisão Dividida (28-29, 29-28 e 29-28)

– Brasil Yuri “Marajó” Alcântara venceu Brasil Wilson Reis – Decisão Dividida (28-29, 30-27 e 30-27)

– Brasil Felipe “Sertanejo” Arantes venceu Venezuela Maximo Blanco – Decisão Unânime (29-27, 29-27 e 29-27)

– Brasil Ildemar “Marajó” Alcântara venceu Rússia Albert Tumenov – Decisão Dividida (28-29, 29-28 e 30-27)

– Rússia Zubaira Tuhugov venceu Brasil Douglas Silva de Andrade – Decisão Unânime (30-27, 29-28 e 30-27)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: