Barão e Aldo vencem e mantém seus títulos no UFC 169

Barão vence novamente Faber e mantém o cinturão

Em uma edição onde dez combates foram decididos pelas papeletas dos juízes laterais, a noite foi quase perfeita para a representação verde-amarela no UFC 169. Com  lutadores no card, apenas o Peso Mosca John Lineker não teve o seu braço erguido como vencedor de seu duelo.

Com os dois únicos títulos de posse de atletas brasileiros em jogo, os campeões Renan Barão e José Aldo Júnior mantiveram os cinturões de suas divisões de peso. Fazendo o rematch contra Urijah Faber na luta principal da noite, Renan Barão mostrou o motivo de ser um dos grande nomes do esporte. Com menos de 4 minutos de duelo, o brasileiro decretou o fim do embate ao nocautear o desafiante. Após aplicar uma sequência fulminante de socos em Faber, o campeão levou o oponente para a lona e o castigou impiedosamente no ground’n’pound, fazendo com que o árbitro Herb Dean finalizasse a luta.  Após o evento, Dana White demonstrou todo o seu descontentamente com a paralisação do combate.

Na co-luta principal, o campeão dos Pesos Penas José Aldo Jr. dominou os 5 rounds regulamentares do combate contra o desafiante, o americano Ricardo Lamas. Após a contagem dos pontos dos juízes laterais, José Aldo teve, pela sexta vez, um triunfo ao defender o seu título na maior organização de MMA do planeta. E o próximo embate do campeão José Aldo já foi encaminhado na noite de ontem. O brasileiro deverá encarar o campeão dos Pesos Leves Anthony Pettis, valendo o cinturão da divisão.

Fazendo a sua segunda luta no UFC, o brasileiro Alan “Nuguette” Patrick venceu John Makdessi na decisão dos juízes laterais e manteve o seu cartel perfeito, agora com doze vitórias. Já o Peso Mosca John Lineker foi derrotado pelo russo Ali Bagautinov.

  Confira os resultados completos do UFC 169: Barão vs. Faber:

– Brasil Renan Barão  venceu Estados Unidos Urijah Faber – TKO – 3’42” R1

– Brasil José Aldo venceu Estados Unidos Ricardo Lamas – Decisão Unânime (49-46, 49-46 e 49-46)

– Países Baixos Alistair Overeem venceu Estados Unidos Frank Mir – Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-27)

– Rússia Ali Bagautinov venceu Brasil John Lineker – Decisão Unânime (29-28, 30-27 e 29-28)]

– Estados Unidos Abel Trujillo venceu Estados Unidos Jamie Varner – KO – 2’32” R2

– Brasil Alan Patrick venceu  John Makdessi – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 30-27)

– Estados Unidos Chris Cariaso venceu Estados Unidos Danny Martinez – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

– Estados Unidos Nick Catone venceu Inglaterra Tom Watson – Decisão Dividida (28-29, 29-28 e 30-27)

– Estados Unidos Al Iaquinta venceu Estados Unidos Kevin Lee – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 28-27)

– Estados Unidos Clint Hester venceu Estados Unidos Andy Enz – Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-26)

– Rússia Rashid Magomedov venceu Estados Unidos Tony Martin – Decisão Unânime (29-28, 29-28 e 29-28)

– Estados Unidos Neil Magny venceu Rússia Gasan Umalatov – Decisão Unânime (29-28, 30-27 e 30-27)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: