Com armlock, Antony Pettis é o novo campeão dos Leves e desafia José Aldo

Antony Pettis é o novo campeão dos Leves do UFC (Foto:Esther Lin)

Benson Henderson já não é mais o dono do cinturão dos Pesos Leves do UFC.  Em uma das mais esperadas revanches do MMA, Pettis precisou de um pouco mais de 4 minuto de combate para ter o seu braço erguido como o novo campeão da divisão.  Após uma sequencia de chutes na linha de cinturão do campeão, a luta foi para o solo, onde Pettis encaixou uma chave de braços, obrigando Bendo a sinalizar a desistência do combate.

Ainda dentro do octógono, o novo campeão aproveitou a oportunidade para desafiar o campeão dos Penas José Aldo.

– Eu queria que todos me ouvissem nesse momento. Gostaria que todos que estão aqui gritassem. Não importa em que situação vocês estejam, acreditem que tudo vai melhorar. Eu sempre quis disputar o cinturão, vim lutando por isso, e é difícil entender como cheguei aqui, mas é maravilhoso. Vocês me fizeram ser quem sou hoje. Eu sou o campeão dos leves do UFC. Quando encaixei o golpe, ele desistiu da luta. Ele é um cara muito duro, mas agora o campeão sou eu. O chute que eu tentei antes de irmos para o chão é muito eficiente no MMA, mas não é muito usado. Após eu ter dado os chutes nas costelas ele fez a mesma cara que Donald Cerrone. Acho que até podemos lutar de novo, ele merece. Mas, Joe Silva, eu e José Aldo temos algo a resolver – afirmou Pettis.

No combate entre os ex-campeões dos Pesados, Josh Barnett, voltando ao UFC após mais de 10 longo do evento, e Frank Mir trocaram muitos golpes desde o inicio do duelo. Entretanto, Barnett abusou das joelhadas que fez o ex-campeão dos Pesados do UFC desabar, pondo fim ao confronto.

Completando sua 20ª luta na organização presidida por Dana White, o brasileiro Gleison Tibau mostrou por que é um dos grandes nomes da divisão dos Leves. Encarando Jamie Varnier, Tibau acabou tendo o seu braço erguido pela divisão dividida dos juízes laterais.

Resultados completos do UFC 164: Henderson vs. Pettis:

Pesos Leves: Estados Unidos Anthony Pettis venceu  Estados Unidos Ben Henderson – Finalização (armlock) – 4’31” R1

Pesos Pesados: Estados Unidos Josh Barnett venceu  Estados Unidos Frank Mir – TKO – 1’56” R1

Pesos Penas: Estados Unidos Chad Mendes venceu Estados Unidos Clay Guida – TKO – 0’30” R3

Pesos Pesados: Estados Unidos Ben Rothwell venceu Estados Unidos Brandon Vera – TKO – 1’54” R3

Pesos Penas: Estados Unidos Dustin Poirier venceu Estados Unidos Erik Koch – Decisão Unânime

Pesos Leves: Brasil Gleison Tibau venceu Estados Unidos Jamie Varner – Decisão Dividida

Pesos Moscas: Estados Unidos Tim Elliot venceu Estados Unidos Louis Gaudinot – Decisão Unânime

Pesos Meio Médios: Coreia do Sul Hyun Gyu Lim venceu Alemanha Pascal Krauss – TKO – 3’58” R1

Pesos Galos: Estados Unidos Chico Camus venceu Coreia do Sul Kyung Ho Kang – Decisão Unânime

Pesos Pesados: Austrália Soa Palelei venceu Ucrânia Nikita Krylov – TKO – 1’34” R3

Pesos Leves: Estados Unidos Al Iaquinta venceu Estados Unidos Ryan Couture – Decisão Unânime

Pesos Médios: Suécia Magnus Cedenblad venceu Estados Unidos Jared Hamman – Finalização (guilhotina) – 0’57” R1

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: